Redação Enem: Como funciona? Veja aqui e saiba tudo!

O Exame Nacional do Ensino Médio, conhecido popularmente como Enem, é um teste que conta com quatro diferentes provas. Além disso, existe a redação do Enem, que deve ser feita com muita cautela. A redação do Enem tem peso igual o das outras provas e pode ser decisiva na conquista de uma vaga.

Tem pessoas que passam o ano se preparando para quando chegar o momento do Enem, darem o seu melhor na elaboração da redação. Existem técnicas específicas que ajudam na obtenção de uma boa nota, é preciso dominar o português para atingir os melhores resultados possíveis.

Como funciona a redação do Enem

Como funciona a redação do Enem

A prova do Enem conta com quatro disciplinas, além de uma redação. Cada um destes itens possui 1.000 pontos, ou seja, se você domina o português, poderá sair na frente dos seus concorrentes, fazendo uma bela redação.

Ela será aplicada no primeiro domingo de provas e o candidato decide se fará no começo ou depois das questões.

Possíveis temas

A redação do Enem normalmente aborda temas que afetam a sociedade de uma maneira geral, assim, são raros os casos de temas desconhecidos. Saiba que o Enem tenta fugir de temas mais polêmicos ou recentes, que as discussões ainda estejam ocorrendo. Desta forma, é provável que o tema da redação seja algo recorrente nos últimos anos, mas que agora não esteja em evidência.

Não é por isso que o candidato poderá ficar desligado do que está acontecendo no mundo lá fora. Assistir telejornais, ler sites de notícias e se manter bem informado é importante para quem deseja fazer uma boa redação, já que desta forma terá algum contato com o tema proposto.

Veja temas cotados:

  • Como melhorar a questão da mobilidade urbana no Brasil;
  • Limites do Humor
  • O combate às epidemias no Brasil;
  • A evasão escolar em questão no Brasil;
  • Espaços urbanos de convivência
  • Como combater o bullying nas escolas do Brasil?
  • Proteção dos animais
  • A importância da preservação do meio ambiente;
  • O perigo da escassez da água;
  • Solidão e outros males do século.

O tema pode não ser exatamente igual, provavelmente não será, mas estas são áreas em evidência, que podem ser destacadas na prova do Enem.

Últimos temas

É importante também estar atento para os últimos temas que foram cobrados nas redações do Enem, porque eles e assuntos semelhantes podem ser descartados, porque certamente não serão cobrados desta vez. Veja quais foram os últimos tema da redação do Enem:

2011 – Viver em rede no século XXI: os limites entre o público e o privado;

2012 – O movimento imigratório para o Brasil no século XXI;

2013 – Efeitos da implantação da Lei Seca no Brasil;

2014 – Publicidade infantil em questão no Brasil;

2015 – A persistência da violência contra a mulher no Brasil;

2016 – Caminhos para combater a intolerância religiosa no Brasil. E, Caminhos para combater o racismo no Brasil, na segunda aplicação;

2017 – Desafios para a formação educacional de surdos no Brasil. E, Consequências da busca por padrões de beleza idealizados, na segunda aplicação;

2018 – Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet;

2019 – Democratização do acesso ao cinema no Brasil.

Como fazer uma boa redação

Muita gente sonha em fazer uma boa redação no Enem, já que somente ela é capaz de garantir até 1.000 pontos para o candidato. Desta forma, aqueles que dominam a língua portuguesa são capazes de conquistar melhores resultados. Seguindo estas dicas, sua chance será maior:

  • Utilize a folha de rascunho e depois passe a limpo;
  • Não deixe muito espaço em branco e nem ultrapasse o limite permitido de linhas;
  • Não fuja do tema em hipótese alguma;
  • Não seja muito agressivo, principalmente ferindo direitos humanos;
  • Confira o texto antes de entregar;
  • Tente argumentar sempre com três exemplos.

Como funciona a correção

Diferente das outras partes do Enem, onde um computador faz a correção e certo e é certo e errado é errado, com a redação o processo é feito por professores. Muitos participantes reclamam dos métodos de correção, alguns inclusive possuem a nota zerada e então podem solicitar uma revisão, existem até mesmo casos de participantes que entraram na Justiça.

Existem mais de 4 mil corretores de redação, sendo que cada uma delas é avaliada por dois corretores. Eles consideram cinco questões:

  • Domínio da norma padrão da língua portuguesa;
  • Compreensão da proposta de redação;
  • Escolha e organização das informações;
  • Conhecimento da língua necessário para argumentação;
  • Desenvolvimento de uma proposta de solução para os problemas abordados, seguindo os valores e considerando as diversidades socioculturais.

É feita uma média da nota dada por cada um dos corretores, menos em caso de uma diferença muito grande entre elas.

Caso a diferença seja maior do que 80 pontos em um dos critérios, um terceiro avaliador é chamado e define a nota do critério. E se a soma de todos critérios der uma diferença acima de 100 pontos, o terceiro corretor é acionado e a nota será a média das somas mais próximas.

A redação do Enem é uma das partes que deixa os candidatos mais apavorados, muitos fazem diversas simulações antes da prova, pensando em obter a melhor nota possível. É preciso entender bem todas as suas etapas para se dar bem. Siga as nossas dicas e boa sorte na prova deste ano.